18 setembro 2011

3ª Memorável Caminhada de S Bartolomeu 2011, (5)

 Hoje o tema das festas de Agosto volta à 3ª Memorável Caminhada de S Bartolomeu


 Estamos na bonita e idílica paisagem que nos vai levar a Arnal, tudo parecia calmo e tranquilo mas


de repente levanta-se um vento, melhor numa ventania, que perturba o caminhar, como é visível na fotos, Estamos na zona dos lavadouros e do cemitério de Arnal.


o céu escurece e há nuvens ameaçadoras, para lá de fumo que se ergue no horizonte de S João da Pesqueira, pois há por aí fogo


 O vento acalmou um pouco ao entrar na aldeia de Arnal


que a esta hora parecia dormir, pois não vimos vivalma

e começamos a subida da senhora da Paixão

um bom lanço, onde cada um foi encontrando a pedra, que devia ser do tamanho dos "pecados"

como podem imaginar, o tamanho das pedras era minúsculo, pois todos os Caminheiros são boas pessoas


e a subida é de primeira, e só nos consolava ao imaginarmos o pessoal que sobe por aqui em procissão com os respectivos andores

chegamos ao ponto da tradição ligadas às pedras, junto deste cruzeiro, "os pecadores" descarregavam a pedra dos seus pecados atirando-a para trás das costas


mesmo sendo boas pessoas todos cumpriram a tradição e lá foram lançando as suas pedrinhas

  e agora mais leves ei-los que correm alegres para o cimo da monte da Senhora da Paixão


 o ponto mais alto desta Memorável Caminhada e assim ligamos, caminhando, dois santuários e locais de peregrinação num mesmo dia, o Senhor da Boa Morte e a Senhora da Paixão, um feito memorável, que ninguém tinha feito até hoje


 no recinto podemos beber da água, que dizem ser "benta" e que os residentes de Arnal aqui vêm encher os seus garrafões e hoje foram surpreendidos pela nossa chegada

  e sabe bem chegar a um local e ter um sitio para se "matar" a sede, com água que brota no cimo do monte e repousar um pouco os pés 


 num ambiente assim até apetecia ficar mas, está a começar a chover, uns pingos fortes e o vento levantou-se outra vez, dizem-nos pelo telemóvel que em Parambos há  árvores a cair.
vamos ver quando lá chegarmos
  ...continua...
At Ento

2 comentários:

Manuel batista disse...

gande curàge unir os dois santuarios com essa caminhada memuravel parabens a todos os caminheiros

at ento disse...

Olá Caminheiro, Manuel Batista
Foi simplesmente Memorável, 16,400Km em três horas e 20 minutos, e fica sabendo que sentimos a tua falta pois és um caminheiro da 1ª Caminhada. Esperamos que para o ano seja possível ter-te por cá nessa altura.
Tudo de bom.
Saudações com a nossa amizade.
At Ento