19 abril 2014

O Forno onde se fazem os Folares (1)

Tempo de Páscoa, a azafama dos sabores que dão gosto aos miminhos que sempre fizeram as delicias porque todos anseiam e esperam ver na mesa. Falamos dos Folares e vamos ver o ambiente e algumas etapas deste fazer ancestral  


 a senhora Alzira, desde sempre ligada a este fazer, está a dar um retoque à massa, neste caso para fazer "bola sovada" os folares já estão no "descanso" no tendal.


enquanto os folares levedam no tendal, a Melinha vais aquecendo o Forno, com boas giestas, e já lá diz o rifão, "forno de giesta dá bom pão"

a senhora Alzira continua a "Sovar" a massa da "bola sovada" 

a senhora Teresa, aguarda que chegue a sua vez e veremos mais adiante que tem uma tarefa a desempenhar. 

no forno todos se sentem bem, é como estar em casa, e é normal ir ao forno mesmo sem ter nada que lá fazer 

manter a água na temperatura é fundamental para uma boa "amassadura", daí o Pote ser uma peça fundamental do Forno


 " o sorriso da Padeira num meio de muito trabalho que dá fazer folares"



a Olga também foi ver como se fazia, e seguiu atentamente as voltas que a massa dá nas mãos experientes da senhora Alzira

e há uns momentos de descanso à espera que o forno fique quente, esperamos pois

 os momentos de espera servem para contar histórias passadas neste forno e que todos conhecem ou contam como lembranças a reter


  e o forno está a ficar no ponto, há que juntar as brasa, com o rodo, puxam-se estas para a frente da boca do forno....
Ficamos por aqui, contaremos o resto numa próxima postagem..   Continua...
 At Ento/ViverParambos

2 comentários:

Blue Eyes disse...

Esta 'reportagem' encheu-me o coração... pois nesta altura tenho sempre na memória a azáfama que por estes dias se vivia quando era pequena!! Em Belver o forno, que pertencia aos meus avós paternos, funcionava como comunitário e era uma alegria ficar até às tantas a ver fazer os folares!! E que bom era o quentinho que emanava do forno!

Boa Páscoa.

viver Parambos disse...

olá Blue Eyes.
para nós é um prazer divulgar o que de melhor se faz na aldeia, e nesta época os folares e o forno, assim como as pessoas envolvidas, são as personagens principais, como muito bem refere, os aromas e o calor que emana desta atividade, no Forno da aldeia. as palavras que aqui deixa são de encher também o nosso coração transmontano que ama este pedaço de Reino Maravilhoso.
Boas Páscoa com as nossas saudações e amizade.
At Ento/ViverParambos