06 março 2007

Campaínhas que anunciam a Primavera, em Parambos

Hoje vamos falar de Campaínhas

Pequenas e frágeis de uma elegância vertical e um tom imaculado de branco e amarelo que, encimam o caule verde assente nas verdes folhas que se elevam e se vergam como que a render homenagem a estas singelas Campaínhas.

Aparecem nesta época de pré-Primavera. Não são semeadas mas estão onde costumam nescer todos os anos. Não se notam até estarem abertas, de repente ao passar onde sempre se passou, ei-las! que nos brindam silenciosamente como um sorriso pendente.
Aparecem entre o húmus e fenos velhos, entre as pedras, nos recantos abrigados, nunca só, há sempre mais uma e mais outra nas redondezas.
Eram as flores das crianças, (quando acompanhavam os pais nas lides da poda ou da preparação da terra para semear as batatas) noutos tempos, que as colhiam e com elas faziam pequenos raminhos para seu deleite ou para oferecer a alguém.

Que a Primavera chegue assim serena e tranquila como a imagem destas Campainhas que a anunciam, quando ela ainda dormita.
At Ento

11 comentários:

Blue Eyes disse...

Adoro essas flores...íamos apanhá-las quando era mais pequena! "Avisam-nos" que a Primavera está aí a chegar...obrigada por me teres avivado uma recordação tão ternurenta! Vou amanhã para cima...ficamos até Domingo!

Continuação de boa semana!

Atento disse...

Olá Blue Eyes.
E Eu que julgava que, campaínhas, só havia em Parambos.
Claro que elas espalhamm a Primavera por todo o lado, se vens para cima, Boa Viagem, ainda as vais poder procurar e assim reviver a pequena magia que era saber que já havia campaínhas, sinal de Páscoa, folares e amêndoas.
Votos de boa estadia.
Saudações com amizade.
At Ento

E-Bunny disse...

Olá querido amigo,

pois infelizmente cá "para baixo" não temos tão bela dádiva...mas temos outras maravilhas que também nos "avisam " da chegada da Primavera (as nossas macieiras já começam a florir...)!
Obrigada, meu amigo, por este presente...é muito bom saber como a "vossa" paisagem vos comunica que a Primavera está à porta!

Saudações Quase Primaveris

E-Bunny

Atento disse...

Olá Cara amiga E-Bunny.
Não se pode ter tudo por todo o lado, mas se falarmos das macieiras, deixa passar mais um mês e então na Terra Quente (assim chamada a zona de Carrazeda de Ansiães, Vila Flor, Moncorvo, Freixo de Espada à cinta e Foz Coa) no Nordeste Transmontano também as macieieras alindam a paisagem em força nos novos pomares que por lá florescem.
As nossas saudações com a nossa amizade.
At Ento

Esmeralda disse...

At Ento
Campaínhas? Tão bonitas!!!
O amigo Aníbal já me presenteou com um exemplar soberbo de Freixiel(a meu ver, claro!), de qualquer forma, quero felicitá-lo pelos seus, bem como pelo elucidativo texto - onde demontra enorme sensibilidade - não podendo deixar de realçar no mesmo, a extraordinária função de uma campaínha: "... que nos brindam silenciosamente como um sorriso pendente." Bonito! Gostei!

Dei pela sua falta no blogue do Aníbal, cujos comentários apreciava... Ele para aqui me encaminhou... E, agora, este comentário inevitável... por causa das campaínhas!!
Vou-lhe dar uma novidade do seu agrado: cá em casa, de cinco pessoas, quatro são verdes!!! Eu, confesso não tenho cor...
Mais, e ria-se: os meus vasos já estiveram, em tempos, decorados com uns bigodes bem farfalhudos!!!E esta???!!!Com esta não contava, pois não??
Um abraço
EL

Atento disse...

Olá Esmeralda.
Estamos sensivelmente emocionado pela sua visita e com os tons verdes que a acompanham, inundam-nos de felicidade.
Claro que nós aprendemos muito com o nosso querido amigo Anibal, mas em fotografia ele continua a ser um mestre que nos honra com a sua mestria e amizade.
Não deixei de aparecer,no "Vila Flor" apenas o tempo tem sido escasso, já votei duas vezes mas não deu tempo para mensagem.
Nós por cá vamos mostrando um pouco do muito que temos na Aldeia Mais Verde De Portugal, PARAMBOS, onde nasceu o dono dos bigodes bem farfalhudos que presidiu ao Sporting Clube de Portugal.
Aceite o nosso abraço e a nossa amizade, sinta-se em casa de cada vez que por aqui passe, o que muito nos honra.
Saudações verdes.
Atentamente.
At Ento

Anónimo disse...

Sem comentarios é esta a nossa terra Parambos continua lindo como sempre estas campainhas fazem-me lembar a minha infância

Esmeralda disse...

Olá At Ento!
- Obrigada!
- Sabe, tenho cá em casa não um Li mas,uma Li mais Li. Melhor: a minha filha mais nova é a Lili.
- A minha filha mais velha - Eva- é uma apaixonada pelas "Artes", e já faz composições em "Desenho", com algum destaque...
E estas,hein??? Surpreendi-o?
Tenho mais uma muito gira mas que não posso contar aqui, relacionada com o seu SCP. A seu tempo, tá bem?
Retribuo-lhe a minha amizade,
El

Atento disse...

olá El.
A sua visita, de hoje, deixou-nos suspensos, e logo nós que gostamos "das muito giras". Hoje retribuimos com saudações especiais pelo dia ser da Mulher.
Eva é um nome que promete, é bom sinal que cresça em arte pois é na arte que o futuro tem salvação, pum lápis cria riscando, um pincel ilustra, pintando o acto criativo, os politicos (que gerem, mal, o mundo) não sabem riscar e mandam disparar, Ainda não perceberam, mas pelas armas só dá destruição. Um abraço como estimulo para Eva pois nós, já, contamos com ela.
Não deixa de ser surpreendente o que descobrimos conversando, pois nós cá por Parambos temos um conterrâneos, li Malheiro, assim assina alguns trabalhos e que nos fornece grande parte das imagens, pois é dado e achado a fotografar.
Um beijinho para a Lili, que eu "vejo" de caiscol verde a cantar o "só eu sei..."
A nossa amizade verde.
At Ento

Esmeralda disse...

Olá!
Antes de mais vamos por partes: At Ent e Li Malheiros não é a mesma pessoa? Pensei que sim. A ele sempre me dirigi, secalhar erradamente... Esclareça-me por favor. Eu chamo-me mesmo Esmeralda (EL - Esmeralda Lopes).Há, então, diversos colaboradores no blogue?
Obrigada pela saudação especial.
Depois:
Ontem, assisti a um jogo verde: às riscas verde e brancas e verde fluorescente. Mesmo sem ser uma verde ou outra cor, como já escrevi, o meu marido - verdíssimo - fez uma surpresa às suas três mulheres e foi-lhes comprar bilhetes para o acompanharem... o que aconteceu...a noite também colaborou... parecia Verão...
E foi presentiado com três goooooolos!!!!! Estava radiante!!!

Gostei do espectáculo! Não vou estar tanto tempo sem ver um jogo de futebol ao vivo...
Pena que ainda se fume tanto nas bancadas....
Sim, sim, a Lili e a Eva estavam felizes e contentes e cantaram mesmo o "só eu sei..."
Abraço
El

Anónimo disse...

Emborajá tenha passado tanto tempo desde que este trabalho foi feito, só hoje o vi, num passeio fortuito por estas paragens...
Eu também tenho recordações das "campainhas" que, na minha aldeia, se chamam "candeias": o meu pai descobria sempre uma, às vezes no sítio mais escondido, e trazia-ma com muito carinho, no dia 2 de Fevereiro, que é o dia da "Senhora das Candeias"!!!
Eu achava este gesto tão ternurento, que ainda permanece na minha memória...
Cumprimentos
Anita