21 junho 2012

II Passeio Pedestre de Parambos - Comissão de Festas de S Bartolomeu (4)

 Continuamos a apresentar o reportagem do II Passeio Pedestre de Parambos, agora na bonita paisagem do pomares, nos limites da freguesia de Parambos com Linhares
 as maçãs prometem estar madura em Agosto por isso hoje foi só imaginar o que  terão de crescer

 mas a concentração dos caminhantes é grande, se não reparem
 ali ao fundo está uma cerdeira, com cerejas maduras e vejam só que quase ninguém pára 

 pois querem manter o ritmo concentrado 
 e a marcha vai decorrendo aqui perto da aldeia de Arnal
a passo cadenciado nem reparam no fotografo
 que os espera para ver se a tentação das cerejas os faz esmurecer
 mas é como dissemos no inicio, ninguém parece ligar às cereja
 já ao telemóvel não dizemos o mesmo,  como se vê aqui o Jorge Carvalho à conversa
 e são mesmo muitos, pois nunca mais acaba a passagem
 Há sempre mais um grupo que aparece lá ao fundo
 será que estes vão fechar, ... que nada pois ainda vem mais um, alto lá e vem a ver as cerejas, não resistiu
mas vendo bem lá ao fundo ainda há mais, o fotógrafo parece ter desistido aqui, se calhar foi, também, às cerejas, por isso ali parou, será?

...Continua...

At Ento / ViverParambos

2 comentários:

MJ disse...

É incrivel como Parambos tem falta de gente. Só se vê aqui gente de fora. Por aqui podemos ver que Parambos já não tem gente e a pouca que tem é muito pouco participativa nos iventos realizados. Por muito que nos custe, tirando o mês de Agosto o resto dos meses do ano Parambos é uma aldeia com meia duzia de pessoas.

viver Parambos disse...

Olá MJ.
É incrível mesmo, como em Portugal a população está a envelhecer, é a lei da vida e ainda bem, pois há mais esperança de vida. Os mais novos, poucos, ainda procuram outros horizontes para puder ter projectos de vida. Os que ficam, os que sempre estão quando é preciso, e os que "teimam" em voltar aqui sempre que podem, ainda fazem ou apoiam estas coisas que dinamiza tanta gente, que vindo de tantos lugares, caminha pela amizade e pelo convívio e pelo prazer de poder ver/mostrar as paisagens que são nossas.
Vivam "as Meia Dúzias de Pessoas" que, são muitas mais claro! amam a sua terra e dela sentem orgulho.
E Isto é Bom.
Saudações.
At Ento/ViverParambos