22 janeiro 2009

Beleza de Inverno em Parambos

NEVE!
Hoje vamos mostrar momentos, capturados por Fernando Rebelo, de neve. Aqueles momentos que todos de cá viveram mas, quem está fora, vai ver e sentir saudades de, não estar cá para sentir este fofo e frio Inverno que dá saúde à terra, dizem os nossos veteranos conterrâneos.



Vejam só a altura que aqui se revela, o Beco do Jaime ficou muito mais luminoso de branco.


E os telhados? vejam só esta "manta de fino Linho"! que convida ao aconchego da lareira.




E as videiras? que agora se erguem do chão branco em que, como num sonho, se transformou a terra escura que é!



E Este pormenor das botelhas, nome dado por aqui às abóboras, aqui aconchegadas neste fresco enquadramento, continuam a aguardar a sua vez de ficarem desfeitas em loura compota com sabor a amêndoa. Um manjar!
Que bonito é o Inverno em Parambos!
At Ento

7 comentários:

Beto disse...

Eu estive lá e vi. Fez-me lembrar a minha infância no Inverno de à 40 anos embora esta nevada fosse mais pequena.

Blue Eyes disse...

Para relembrar tempos de infância foi o suficiente... bons tempos em que não havia escola porque o carro da professora não podia passar! Era brincadeira o dia todo...

Olha que ainda nevou bastante! Bonito Inverno sim senhor!

Até breve.

Tite disse...

É verdade...
mas, só em Parambos?
Que bonito é o Inverno em Trás-os-Montes.
Este ano tem sido uma delícia de espectáculo para encher as vistas dos turísticas de ocasião e dos naturais dessas paragens.
Parabéns!

Helder Seixas disse...

Boas,

Belas paisagens de branco, já à uns anitos que não etsou por lá para assistir a uma boa nevada.

Aqui em gaia ainda assisti mas não estava frio suficiente para "pegar".

Saudações

Helder Seixas

KARPEIX disse...

Boas, lamentavelmente eu como o Helder, já alguns anos que nao posso ver essas belas imagens, de invernos frios e brancos em Parambos, mas posso garantir que aquí em Andorra tambem há muita, muita neve, e muito frio, mas um frio mais seco.
E se juntamos este manto branco com o verde que há em Parambos? ...o resultado tem de ser bom...

Saudaçoes leoninas...

euroluso disse...

As botelhas!!! E eu que pensava que tinham desaparacido do vocabulário! Só à minha mãe, natural dos Pereiros, é que ouvia falar nas botelhas! Quando uso a expressão há quem me critique querendo obrigar-me a falar "à lisboeta" mas eu sou teimoso e vou continuar a falar como aprendi, quando era criança.
Gosto muito da foto das botelhas cobertas de neve. Parecem gelados cobertos de chantilly!

at ento disse...

Olá Euroluso.
Bonita prosa, com sentimento que nos irmana, neste falar à nossa moda que muito nos caracteriza e identifica. Os Pereiros, bela terra com uma igreja muito trabalhada e os montes por ali coroadas de pedras que são uma autentica muralha, Dizem que havia por aí um castelo?, eu já caminhei por aí mas não o vi.
Um abraço com as nossas saudações amigas.
At Ento