08 janeiro 2009

Escritos da nossa gente sobre a nossa terra

Hoje divulgamos mais um escrito, que fala de Parambos, num poema recebido por e-mail, do nosso conterrâneo João de Seixas


" É aqui, onde as montanhas

de ricas cepas pejadas,

p´ra cá das ondas tamanhas,

se erguem engalanadas

num louvor ao Céu, sem manhas!

Parambos é bela aldeia

que cumpre a sua missão

de alegrar o coração

por estar de vida cheia!

Sobre a vastidão serrana

onde a fé supera a dor,

se deleita a alma humana

p’la obra do Criador!

Há sinais de nostalgias

no orvalho das manhãs

e marejam sinfonias

entre doces malvasias

de louvor às almas chãs,

sendo isto natural

nesta terra especial

de emoções reais e sãs!

No sentir da sua Gente

aqui tudo é bom e puro;

e se o seu sofrer é duro

deve-se à terra inclemente

a quem tem de pagar juro!

Mas disso faz um dever,

pois trabalha p’ra viver

sem que sussurre uma queixa,

e nunca vencer se deixa,

porfiando até morrer! "

João de Seixas



Juntamos à palavra/poema esta bela imagem do tempo actual, frio mas com esta beleza que brilha, como promessa de um Bom Ano 2009, esperamos para todos.



At Ento

3 comentários:

João Carlos disse...

Parabens ao senhor João Seixas pelo seu belo poema

Anónimo disse...

nao sabia que tinha na familia um poeta um beijinho para todos clara raposa

materials disse...

It seems my language skills need to be strengthened, because I totally can not read your information, but I think this is a good BLOG
jordan shoes