18 fevereiro 2011

A Linha do Tua...num dia triste

 O Património natural está de luto
 Inaugurada pelo rei de Portugal, que aqui se deslocou, vindo de Lisboa,  com a sua corte, como um marco da tecnologia, uma obra de engenharia inovadora para a época e que foi um caso falado na Europa como coisa feita num sitio impossível


 porque se rasgaram montanhas, sem ferir a paisagem e em simbiose perfeita com o rio e com as gentes

 porque se abriu a passagem  deixando-a enquadrada no meio ambiente

 criando uma estrada de ferro que era o futuro a passar por uma paisagem agreste e bela, tirando do isolamento muitas zonas e ligando-as aos centro

 Toda esta arrojada empresa, que devia ser um livro de tenacidade dos homens que no-la deixaram foi hoje, lamentavelmente...
  ... Afogada pelo primeiro ministro ...............................................................................

At Ento

12 comentários:

euroluso disse...

Sócrates tem como mestre o doutor Salazar, o tal que afogou Vilarinho das Furnas, outra barragem de memória.
Mas nós não vamos ficar de braços cruzados, pois não? Ainda o vendedor de banha da cobra vai cair antes dos pilares da barragem começarem a ser colocados!

mario carvalho disse...

Depois de tanto ter dado, depois de tanto ser torturada, depois de
tanto ter sido denegrida, aviltada expoliada por aqueles que ela mais acreditava e de quem dependia...

veio agora o primeiro primeiro responsável acompanhado dos carrascos .. qual Nero no auge da loucura.. fazer o sinal com o polegar virado para baixo.. mate-se
........


A Linha do Tua agoniza mas não está morta e quem sabe não assista , sem rancor, à morte dos seus loucos e idiotas assassinos

abraço caro Atento e caros amigos de Parambos

mario carvalho disse...

CACHÃO DIA 28 DE FEVEREIRO (SEGUNDA FEIRA) PELAS 18H00

nas instalações do antigo infantário

Apoiando a petição a favor da manutenção de Trás os Montes e da preservação da linha do Tua

Esta petição foi criada pelo Grupo de Cidadãos com origem em Codeçais, obteve aerca de 5 mil assinaturas e vai ser discutida na ASSEMBLEIA DA REPUBLICA.

é mais uma forma de mostrarmos ao país e ao mundo que existimos ..e. embora nos queiram extinguir não será tão fácil como pensam..

Vitor Simões disse...

Azeite ultra-ácido numa Região que se quer de fina flor. Mais uma nódoa no verde pano rubro de vergonha em casa albergue de pandilha farta de roubar.
Adeus Tua. Até quando terei que os gramar?
Vitor Simões

at ento disse...

Olá caros amigos bloguista defensores da qualidade da paisagem natural da nossa terra. Queremos acreditar que a politica é uma realidade efémera, hoje é amanhã pode não ser. A Barragem de Foz Côa foi um marco que nos deu o direito a sonhar, pois "AS GRAVURAS NÃO SABEM NADAR" e hoje temos ali um dos melhores museus Portugueses e da temática dos melhores da Europa.
É lamentável que seja gente do mesmo partido a tomar esta atitude que contraria esse grito de superioridade das coisas com cultura sobre os interesses dos construtores e dos investidores da EDP, que um dia não muito distante fez história em Portugal. Acreditamos que esta gente que governa Portugal hoje amanhã não muito distante estará a curtir os "frutos maléficos" das suas tomadas de decisão num lugar qualquer sem história que os lembre.
Que a cultura vença as mentes que só pensam no lucro e que a democracia de facto se cumpra contra a cultura do cimento na paisagem que aprisiona o livre curso da água que é ciclo de vida.
Saudações verdes de esperança.
At Ento

aa disse...

Muito triste mesmo!!! E com um pouco de sorte, o sr. Primeiro e toda a sua comitiva, até foi recebido com toda a Pompa e circunstância...
Olhando estas fotos, de alguns meses atrás, onde me (re)vejo, fica a tristeza de brevemente não termos muitas mais hipóteses de irmos fotografar aquele belo vale onde se enquadra a Linha do Tua...:(

Nuno Seixas disse...

Socrates se viaja-se por estas lindas paisagens de certeza que nao aprovava a construção desta barragem. Paisagens fantasticas como estas, nunca deveriam ser destruidas.
Abraço

Anónimo disse...

O Socrates veio cá lançar a 1ª pedra e foi muito bem recebido ai que não foce caianos a GNR em cima. O principal causador da ruina desta linha foi o (Cavaco Silva) mas no entanto nas eleições para a presidência da républica do dia 23 de Janeiro de 2011 ganhou aqui na região com 66% dos votos sinal de que afinal o povo gosta deles. Tiram-nos o comboio mas dão-nos uma Barragem, IC5 e a Auto Estrada Porto Bragança e o povo já fica contente e assim esquecerá a Linha do Tua.

at ento disse...

Olá AA.
Pertences à geração que teve o privilégio de lutar por esta causa e caminhar por este caminho que foi obra prima do progresso e uma maravilha natural que nos dizem querer afogar...para criar um parque natutural??!! e ainda há quem acredite.
Que as memórias registadas fiquem para a posteridade com a nossa mágoa presente.
Saudações verdes com a nossa amizade.
at Ento

at ento disse...

Olá Nuno Seixas.
Ele há gente que não sabe ouvir as fragas e delas tirar as memórias dos nosso avós que as admiraram enquanto passeavam os seus rebanhos,ou quando levantavam os olhos do amanho da terra, para aliviar as costa, e ficavam a meditar nas fragas que sempre ali estiveram erguidas a segurar a terra e as árvores que davam os seus frutos, enquanto a água passava no rio no seu percurso natural.
Dizem que vão dar trabalho. Já o diziam, quando fizeram a barragem da Baleira e estivemos quase trinta anis sem
que na nossa aldeia tivesse luz se visse e a água ali tão perto...
Queremos acreditar sempre que a natureza vencerá.
Saudações com a nossa verde amizade.
At Ento

nuno seixas disse...

que lindas pazagems lindas terras para vir o sh primeiro menistro dar ordems para dar cabo de tudo..
nao acho bem estragarem isto tudo fazem o que querem ...
um abraço para todos os verdes....

nuno seixas disse...

sao munomentos que nao aviao de dezistir sempre ali estiveram e agora lembraram se de fazer ali aquele montao de ferro.
ainda dizem que vao dar assim tanto trabalho mas nao se lenbram que ali passa muito gente que ademiram aquelas lindas pazagem e avores que cresceram que plantaram os antigos...
e agora tem que vir o sr primeiro menistro porque se lembrou a tentos sitios e tinha mesmo que ser ali....
uma braço para tosdos os verdes paraboenses....