15 novembro 2010

Postais de Outono

 Postais de Outono  

Imagens para os nossos visitantes






Quatro belos momentos que se podem ver na nossa terra ou a caminho dela, são belas as cores do Outono, têm a cor da saudade do Verão que ainda se adivinha nestes tons quentes  que se revelam na paisagem.

Para todos os visitantes e amigos  com a nossa atenta amizade
 At Ento

13 comentários:

Jorge carvalho disse...

Lindas paisagem tem a nossa terra e que muita gente gostaria de ter...abraço

at ento disse...

Olá Jorge Carvalho.
É como dizes.
Até apetece caminhar nestas cores, que ornam estas paisagens.
Saudações com a nossa amizade.
Abraço.
At Ento

Anónimo disse...

Olá
As cores de Outono são belos quadros pintados pelo talento da mãe-natureza.
A nossa aldeia é a mais bela do mundo, não é?
Beijos :-)
Clarinda

at ento disse...

Olá Clarinda.
Gostamos muito de ver a tua palavra aqui, pois sabemos que também gostas muitos da terra que é esta aldeia e suas gentes.
Estas cores estão expostas por aqui em todo o lado, é lindo de ver e é, sem dúvida, as paisagens mais belas. "As Vinha das cores"
Saudações com a nossa amizade.
At Ento

Anónimo disse...

A Natureza é bela, mas desengane-se quem pensa que estas vinhas são de Parambos porque não são. Isto é Castanheiro do Norte. Em Parambos as leis da agricultura acabaram com as vinhas.

voninha disse...

Olá.
Eu gosto particularmente da penúltima, esta estrada transmite de uma maneira geral, as belas paisagens transmontanas e por conseguinte transmite muita serenidade. (Ou não tivesse eu uma costela transmontana)...
Ivone

Anónimo disse...

É impossível ficar indiferente a esta paleta de cores que o Outono nos proporciona.

at ento disse...

Olà Ivone.
Tens muita sensibilidade, que revelas no teu Espaço "voninha" e nas tuas palavras.
Essa paisagem, que preferes, fica no caminho de Parambos, vindo dos lados do Tua, pela estrada nacional, podemos ver, voando o olhar, sobre Ribalonga esta e outras belas intervenções do Homem na sua ânsias de transformar a paisagem e trabalhar a terra dá estas linhas, que nem mostram o esforço que tiveram antes esse sentir bem ao observar.
Saudações com a nossa amizade.
At Ento

at ento disse...

Olá anónimo "desenganado"
por que caminhos andas? estás totalmente engando, do Catanheiro (uma bela aldeia com boas vinhas e boas paisagens e boas gentes que todos apreciamos) nem uma única videira aqui vês.
tirando, a paisagem de Ribalonga, que ficam, como dizemos na postagem, a caminho de Parambos.
Em Parambos só não vê videiras quem anda a olhar prás nuvens. Ou quer falar desconversando. Se assim for, está bem, estás enganado.
Olha de novo para um lado e outro de Parambos e vais ver quantas videiras tens perdido de ver.
Atentamente.
At Ento

Anónimo disse...

Olá
Como é lamentável haver sempre pessoas que estão sempre a criticar o que os outros fazem bem e por bem.
Clarinda

nilson disse...

Gostaria de deixar um recado pro meu amigo Joao Raposo! Sua vila parece mesmo bonita como sempre diz;muito interessante tudo q vi,a beleza e a simplicidade q verdadeiramente nos encanta!!! parabens a vc q sempre defende e fala bem do seu povo e seu lugar!!!e aproveitando o ensejo pelo seu aniversario q foi dia 19, felicidades meu amigo!!!!

Nilson do Brasil

at ento disse...

Olá Nilsom.
Saudamos as suas belas palavras que vão chegar ao João, nosso companheiro de caminhada e um amigo de Parambos que adora, ele as encontrará aqui.
Que tudo esteja bem aí pelas bonitas terras Brasileiras, onde temos muitos patrícios.
Um abraço para todos com a nossa amizade.
At Ento

Anónimo disse...

Olá
Os lençóis alvos já cobrem as nossas terras?
Ou será apenas o frio que fará tiritar a nossa gente?
Saudações calorosas.
Clarinda