14 novembro 2007

Caminhos de Parambos

Vamos hoje passear por um caminho emblemático de PARAMBOS, o Caminho do Prado, é uma saída para os Prados, a Fonte Velha, Fonte Nova, Fonte da Presa, Lobêtios, Portelinha e para o mundo pois vai entroncar na Estrada Nacional


Tem um novo piso, feita em Paralelos o que o torna mais seguro para quem caminha, não se enterram os pés no lodo quando chove. Podia ter sido feito calçada tradicional, dizem, mas está melhor assim que dantes e até os carros podem circular o que ajuda nos carretos, e melhora a qualidade de vida.

A vista é agradável e o passeio convida a reflexão e os muros dão-nos conta de que este caminho tem muitos anos e por cá passaram todos os nosso conterrâneos, pois quase todos tinham um Chãozito para estas bandas, com Hortas e olival e as figueiras.

Pois, mas nem tudo é o que parece no principio, a calçada de paralelos termina logo ali em baixo, nem chega à Fonte Velha.

É pena, a partir daqui, se chover lá se atolam os pés na terra.

Continuamos o passeio como antigamente sentindo o pó levantar-se a cada passada, pois a chuva este ano tarda. Esperamos que venha outra carrada de paralelo depressa, pois este caminho e o povo que o calcorreia merece.

At Ento




16 comentários:

mm disse...

Tenho a informar que este caminho já foi aqui comentado e veêm agora falar dele de novo. Pois é! é que com o fracaço do Sporting agora não à noticia então repete-se aquilo que já se disse. É como diz atraz o amigo anonimo à tanto que dizer e mostrar se quiserem de Parambos e sua Freguesia Misquel mas não falha o Sporting repetem-se os comentários

Anónimo disse...

Ai o seu português querido mm

Beto disse...

Caso não se lembrem eu relembro aqui: Este caminho em tempos era transitável apenas e mal a pessoas a pé a Junta com algum secrifício polo transitável a viaturas automovel,o que Juntas anteriores não o fizeram, com o apoio do Municipio meteram-se alguns metros de paralelo chegou atá onde chegou iremos tentar aos poucos levalo mais a baixo. Vem-se agora aqui criticar aquilo que está feito porque se passa do paralelo e passamos de novo a andar com os pés na lama. Lembro que em tempos estáva muito pior e com mais lama e passavamos lá. Agora querem os caminhos públicos de perferência todos pavimentados, para não estragarem o carro. Eu sou do tempo das estrumeiras nas ruas de Parambos e não era por aí que eramos menos que os outros pelo contrário eram tempos mais animados e de amizade entre amigos nas brincadeiras de rua do que o são agora. saudações

mm disse...

caro anónimo não seja por isso:
a traz, anónimo, há, vêem fracasso

at ento disse...

Olá meus caros, Anónimo, Beto, MM.
Acho que estamos todos a falar e de coisas defacto feitas. Não vejam criticas nas ambições de melhoria, Certo? Ainda bem que os tempos mudaram, nota-se, por vezes mudam devagar e o querer mais e melhor, pode ser ambição, mas critica é que não é de certeza.
Claro que este caminho é longo, numa outra altura falamos dele, ali junto à Fonte Nova, hoje destacamos a parte calcetada, da próxima falaremos de outro local pois os caminhos fazem parte dos passos das pessoas que andam por todo o lado.
Saudações com amizade.
At Ento

Anónimo disse...

O Beto diz no seu comentário que esta junta fez o que juntas anteriores não fizeram, por aquilo que ei sei esta está a dar continuidade a obras que foram começadas pela junta que esteve no poder antes da actual. Calcetaram o caminho do cabeço, o caminho da fonte velha, estão a fazer obras no cabeço tudo obras que foram começadas pela junta anterior, junta que era do PS (Partido Sosialista). Não sei se estarei enganado mas parece que o Beto insiste em criticar a junta anterior da qual ele fazia parte e que por amor à camisola ( ou será por amor ao dinheiro? fácil de ganhar ) mudou de cores e de partido.
saudações verdes.

Anónimo disse...

Como Sportingista que sou, sócio do S.C. de Parambos e do S.C.de Portugal com quotas em dia acho que as derrotas por mais que nos custem, também deviam ser divulgadas.

SPORTING SEMPRE
Até que a morte nos separe.

Beto disse...

Amigo anónimo caso não saiba eu digo-lhe aqui: Está enganado quando diz aqui que eu critico a junta anterior (PS) da qual eu fiz parte é verdade. Isso é pura mentira não gosto de criticar nem é meu feitio criticar ou dizer mal do que de bom é feito na nossa freguesia está completamente enganado quanto a isso. Quanto ao dinheiro desde já lhe digo também que não estou na junta pelo dinheiro mas sim por amor e para contribuir no desenvolvimento da minha terra.Caro anónimo se está preocupado com a compensação que recebo da Junta eu dou-lhe o meu lugar e faz aquilo que eu faço viver a 50 Km da Sede de Junta e ter que se deslocar aos fins de semana e por vezes aos dias de semana para trabalhar na freguesia. Por isso meu caro fica a saber que não é pelo dinheiro que estou na junta é por gostar da minha terra coisa talvez não goste. E mais não sou politico e não tenho partido sou sim por Parambos. Meu caro quando quiser falar no meu nome identifique-se como pessoa. E se quiser saber mais da minha pessoa quando quiser pode falar pessoalmente comigo sem ter que dizer aqui aquilo que não sabe a meu respeito.

Beto disse...

Amigo anónimo caso não saiba eu digo-lhe aqui: Está enganado quando diz aqui que eu critico a junta anterior a qual deu inicio á melhoria deste caminho e da qual eu fiz parte é verdade. Isso é pura mentira não gosto de criticar nem é meu feitio criticar ou dizer mal do que de bom é feito na nossa freguesia está completamente enganado quanto a isso. Quanto ao dinheiro desde já lhe digo também que não estou na junta pelo dinheiro mas sim por amor e para contribuir no desenvolvimento da minha terra.Caro anónimo se está preocupado com a compensação que recebo da Junta eu dou-lhe o meu lugar e faz aquilo que eu faço viver a 50 Km da Sede de Junta e ter que se deslocar aos fins de semana e por vezes aos dias de semana para trabalhar na freguesia. Por isso meu caro fica a saber que não é pelo dinheiro que estou na junta é por gostar da minha terra coisa talvez VOCÊ não goste. E mais não sou politico e não tenho partido sou sim por amor a Parambos. Meu caro quando quiser falar no meu nome identifique-se como pessoa. E se quiser saber mais da minha pessoa quando quiser pode falar pessoalmente comigo sem ter que dizer aqui aquilo que não sabe a meu respeito.

Beto disse...

Caro anónimo digo-lhe aqui outra coisa se não sabe vai ficar a saber: alguma coisa de bom que nestes últimos anos se tem feito na Freguesia com inicio no ano de 1999 e até à presente data está à vista de todos só não vê quem não quer ou então quem é cego. Não estou com isto a criticar seja quem for cada um faz aquilo que pode e sabe.

Beto disse...

Outra coisa caro anónimo: está preocupado com o dinheiro que você diz facil que recebo da Junta o que para mim não sei o que é ganhar dinheiro fácil você lá sabe. Mas digo-lhe aqui coso não saiba eu trabalho para mim fazendo trabalhos em particular de desenho e topografia aos fins de semana o que já deixei de fazer alguns para ter que trabalhar para a Junta na qual assumi compromissos e nos quais ganho mais numa hora de um trabalho meu do que no mês da Junta. Não é meu feitio responder a provocações mas esta deste anónimo deve falar por inveja.
Peço desculpas aos amigos deste Blogue que nada têem a ver com este meu comentário foi só para matar a ignorância desta pessoa que se acobardou mantendo o anonimato.

Beto disse...

solicito ao administrador deste blogue que depois do senhor anónimo ter conhecimento e ficar esclarecido quanto à minha pessoa, retire estes meus comentários do blogue porque nada têm a ver com o bom senso das pessoas que neste blogue fazem os seus comentários. Um abraço.

at ento disse...

Olá Conterrâneos bloguista e amigos.
Ao falar de Paranmbos, estamos a falar da Coisa Publica que nos diz respeito a todos, neste caso Paramboenses, e todos queremos o melhor possivel. É dificil? É. É dificil agradar a todos? A vida ensina-nos que sim. Mas quem concorre a um cargo público e politico está sujeito ao escrutinio publico e ao ponto de vista diverso, é normal em democracia, funciona assim na Assembleia da República e devia funcionar assim em todas as Assembleias e Orgão de Decisão por mais pequena que seja.
Em democracia, a critica e a oposição é uma essência necessária à participação cívica.

Que viva Parambos.

At Ento

Beto disse...

Caro atento quanto a mim não se trata de critica trata-se é sim de inveja e dor de cotovelo só que os cães ladram a caravana passa e eu ultrapasso tanto a critica como a inveja.

Anónimo disse...

>"A penalização por não participares na política, é acabares a ser governado
>pelos teus inferiores" .

Anónimo disse...

"Platão"